Início Blog Hello Darkness My Old Friend – COMUNICAÇÃO, CRIATIVIDADE E INOVAÇÃO #022

Hello Darkness My Old Friend – COMUNICAÇÃO, CRIATIVIDADE E INOVAÇÃO #022

A tristeza é grande. O sol já não brilha mais tanto. A comida não tem o mesmo gosto. Mais uma vez, o Hexa se despede das nossas vidas com um “até daqui a quatro anos”. Nem as crushes me iludem tanto.

Mas, o mundo e a comunicação não param. Inclusive, muitas coisas importantes estão rolando. Instagram quer que você gaste, as telecoms da Rússia estão precisando de arrego e as marcas continuam a fazer um monte de ações criativas e que podem te inspirar.

Tempo estimado de leitura: 8 minutos.

1. Copa do Mundo: Copa chegando ao fim e, com ela, estamos diante de um dos últimos tópicos sobre o tema. Vamos à lista de ações mais interessantes da semana:

++ Ipiranga e Budweiser fazem ação com “cooler-pebolim”.

++ Já que falamos de cerveja, pesquisa sobre consumo de cerveja dos brasileiros mostra que Skol e Heineken são as preferidas do público.

++ Já que falamos de cerveja², fábrica de cerveja de 4,5 mil anos é encontrada no Egito.

++ 10 projetos que usam o poder do futebol para mudar o mundo.

++ Esse desabafo do Neto depois da eliminação brasileira. E a gente achando que o Canarinho era pistola.

 

2. Jornalismo: Sabe a boa e velha simplicidade? Pois é, as coisas mais inovadoras são ideias extremamente simples. Um exemplo é o caso do jornal canadense The Globe and Mail, que está colocando pequenos conteúdos explicando alguns termos-chave de uma reportagem no decorrer do texto para a melhor compreensão do leitor. Muitas vezes, o jornalista tende a pensar que seus leitores já conhecem tais termos. Também detalham, quando necessário, as opções editoriais do jornal. Simples, porém, eficiente, como detalha o Nieman Lab.

 

3. Instagram (1ª parte): Gostaria de começar dizendo que não sinto prazer quando digo: “Eu te falei”. Gostaria muito, mas não posso, porque me dá muita alegria. Uma historinha: Quando estávamos planejando a #CopanaAllPress, falei de fazermos comentários de alguns jogos em vídeo no Stories. A pergunta que se levantou foi se isso seria muito complicado. Respondi que não, era pro Instagram, não precisaria ser nada com muuita produção. Se fui alvo de descrença ou não, o fato é que, agora, tenho um aliado de peso para defender o meu argumento. O The Guardian acha que vídeos menos polidos funcionam melhor no Instagram Stories. Produções rápidas e simples/caseiras engajam mais.

++ “O público mais jovem cresceu em um ambiente que é gratuito, então o conteúdo precisa ser relevante e importante para eles se quiserem construir esse relacionamento com o Guardian”, disse Charlie Cottrell, chefe editorial na agência We Are Social. “Trata-se de criar relevância com um público e ajudá-lo a entender por que o bom jornalismo deve ser pago. O conteúdo tem que ser relevante e importante para eles, a fim de começar a construir esse relacionamento ”.

4. Rússia: Para cumprir uma lei de segurança sancionada por Putin, as operadoras de telecomunicações russas terão que recorrer à tecnologia estrangeira – para desgosto do líder da nação. A lei prevê que o histórico de ligação e de mensagens de todos os celulares fiquem armazenados pelas empresas por seis meses. Esses dados seriam utilizados pelos órgãos de segurança russos para ajudar a solucionar crimes. Num mundo ideal (para o Putin), isso impulsionaria a indústria de tecnologia do país. Mas, provavelmente, não vai rolar.

++ Ainda falando nas Európias, o Parlamento Europeu rejeitou projeto de lei sobre direitos autorais nas redes. Críticas sobre restrição da liberdade na Internet levaram a isso. No entanto,ela ainda pode se tornar real.

++ Falando em operadoras, Claro concentra 30% do mercado de banda larga fixa no Brasil.

 

5. Redes e Apps:

++ Smart Homes: A sua casa estar completamente conectada é a tendência para o futuro. Porém, está virando arma de vingança na mão de parceiros abusivos.

 

6. Instagram (2ª parte): A rede meio que começou uma faculdade para descobrir como ganhar mais dinheiro. É como a Bloomberg explica um grupo de estudos promovido pelo Instagram que reúne influencers, gerentes de marketing e empresários. Considerando que chegaram a um bilhão de usuários, sendo que desses, 150 milhões interagem com os cerca de 25 milhões de empresas que têm presença no aplicativo, é um mercado consumidor com potencial gigante.

++ A popularidade do Instagram não é por causa dos filtros de cachorrinho pra colocar no Stories. É porque você consegue ver o que seus amigos fazem. Pense bem. Se você usa mais Insta que Face, provavelmente essa transição aconteceu por cansaço de tanto conteúdo no facebook, coisas de páginas, em especial, de empresas. Se a rede social quer se tornar mais comercial, pode acabar vendo os usuários migrarem e perder tanto o aspecto de rede quanto o social. Quem sabe, mais um momento pra eu dizer “Eu te falei”. A conferir.

 

7. Pizza Burguer: Unir o bom com o melhor ainda. Provavelmente foi isso que passou na cabeça do pessoal do Burguer King ao juntar hamburguer com pizza. Na verdade, é um lanche bem grande que vem cortados em “fatias” (como uma pizza) para ser dividido. Mas o legal mesmo é ver o que esses descendentes “conservadores” de italianos têm a dizer da invenção.

 

+++ Texto da Vice: O saudosismo analógico dos fotógrafos lambe-lambe na Bahia.

+++ Como forma de protesto, intelectuais lançaram um Nobel Alternativo de Literatura.

+++ Estudantes do MIT criaram uma pulseira capaz de controlar a temperatura do seu corpo.

SEM COMENTÁRIOS

Deixar uma resposta